ESE: Capítulo 7

Bandidos

 

One saiu de seu quarto e desceu as escadas. Lá embaixo estava Ashley Doncrow o esperando.

 

Após pensar por um tempo na noite anterior ele decidiu seguir os dois. Ele não tinha planos e muito menos lugar para voltar.

 

“Vamos.” Disse Ashley sorrindo.

 

One assentiu e suspirou.

 

Havia se passado um dia desde que ele fez o teste. Aptidão zero em todos os elementos. Se essa informação se espalhasse ele se tornaria uma lenda querendo ou não. A Lenda de um Lixo.

 

Eles então saíram da pousada. Enquanto seguia Doncrow para fora da cidade ele olhava ao seu redor. Ter a oportunidade de dormir em uma cama e ter uma bela refeição. Ele havia se esquecido que nunca havia experimentado tais coisas antes de conhecer Ashley e Doncrow.

 

*Suspiro*

 

Ele estava ficando ganancioso. As coisas básicas não eram mais o suficiente. Quando se tem algo você quer algo ainda melhor! Quando se tem um pedaço de pão você quer um inteiro. Quando se tem um pão você quer um banquete. A ganância só aumentava.

 

Após descobrir mais sobre o cultivo ele ficou fascinado. Agora tudo estava mais claro para ele.

 

‘Porque ninguém ia contra as vontades do Senhor Liu?’

 

‘Porque o Senhor Liu tinha tantas riquezas?’

 

‘Porque o Feitor o obedecia?’

 

Essas eram as perguntas que estavam em sua mente. Ele nunca soubera direito a resposta para isso, mas após aprender sobre o cultivo tudo ficou mais claro. Senhor Liu era um cultivador. Mesmo que fosse apenas do 1°Passo ele ainda era superior a qualquer simples mortal.

 

Eles passaram pelo portão da cidade e continuaram em direção a Seita do Fogo Celestial.

 

A Seita do Fogo Celestial ficava a algumas a algumas dezenas de

Quilômetros da cidade, o que não era muito longe para um cultivador.

 

Quatro horas após saírem da cidade.

 

Em uma floresta relativamente comum.

 

Os troncos das árvores eram tão comuns quanto o possível. As folhas eram iguais as de qualquer árvore que você encontrasse. Qualquer pessoa desinformada passaria sem cuidado por esta floresta. Mas era nesta floresta onde as Cobras-Graveto viviam. Elas eram chamadas assim por serem tão finas quanto os gravetos e terem mania de se camuflar entre as árvores. Apesar de serem finas e pequenas ela ainda tinham veneno, o veneno de paralisia.

 

Se uma cobra dessas mordesse alguém essa pessoa ficaria paralisada por meia hora. Nada de mais. Uma cobra não era nada demais. Mas imagine dezenas, não, centenas mordendo alguém constantemente. Essa pessoa com certeza morreria devido a grande quantidade de veneno injetado em seu corpo. Na verdade, isso nem era o pior. O pior era que as Cobras-Graveto tinham a mania de entrar em qualquer buraco de suas presas. Não importava se fosse nariz, boca, ouvidos ou até mesmo ânus, elas entrariam de alguma forma. Assim que entrassem elas começariam a comer seus órgãos lentamente.

 

Era devido a essa razão que Doncrow, Ashley e One passavam cuidadosamente pela floresta.

 

“Esse é realmente o único jeito de chegar a Seita?”Perguntou Ashley enquanto olhava para os lados.

 

“Me desculpe.Eu sei que esse caminho é perigoso, mas é o único que podemos usar.”Respondeu Doncrow.

 

“É só termos cuidado, não é?”Disse One.

 

Doncrow assentiu. De repente seu cenho franziu.

 

*Swooosh*

 

Uma flecha voou para Ashley, mas antes mesmo de chegar a ela, Doncrow apareceu na frente da flecha e a quebrou.

 

*Crak*

 

Várias pessoas surgiram de dentro da floresta. Todas elas empunhavam espadas.

 

“Bandidos!”Exclamou Ashley.

 

One olhou ao seu redor e franziu o cenho Doncrow ficou na frente dos dois, olhou para os bandidos e perguntou”Quem é o seu líder?”

 

Os bandidos abriram espaço e então uma mulher que aparentava ter 40 anos apareceu. Sua pele não tinha vestígio de rugas e seu cabelo comprido era castanho. Sua pele era branca, mas não tanta quanto a de One. Em suma, a mulher era bonita. A espada que ela empunha junto a armadura que ela vestia davam um ar de ferocidade a ela.

 

Ela olhou para Doncrow e disse: ”Eu sou a líder.”Assim que proferiu essas palavras ela avançou em direção a Doncrow. Sua espada de ferro era tão afiada que parecia poder cortar pedras.

 

Assim que ela avançou em direção a ele, Doncrow entrou em pose de luta. Sua mão esquerda estava reta e estava mais à frente da direita que estava em formato de punho.

Sua perna esquerda estava um passo à frente da direita.

 

Assim que a mulher se aproximou e cortou com a espada horizontalmente ele se abaixou.

 

*Wooosh*

 

A espada passou por cima de sua cabeça.Antes que a mulher pudesse recuar ele deu um soco com sua mão direita em direção ao estômago dela.O soco a atingiu e ela foi arrastada para trás por três a quatro passos.Infelizmente para Doncrow, grande parte de seu soco foi absorvido pela armadura da mulher, quase nem a afetando.

 

A mulher passou a mão no lugar onde o soco a atingiu e franziu o cenho.

 

‘Elemento vento… esse velho é forte…Só com a força do vento ele conseguiu me empurrar para trás..’

 

“Homens! Peguem aqueles dois!”Ordenou a mulher.

 

Os homens que estavam os cercando começaram a se aproximar. Doncrow franziu o cenho.

 

Um dos homens pulou em direção a Ashley e tentou cortá-la com sua espada, mas de repente seu corpo começou a pegar fogo.

 

“AAAAAHAHAHAAAAAH!!SOCORROOO!”

 

O homem só gritou por um momento até morrer. Seu corpo estava todo preto. Ele estava carbonizado. O cheiro de carne queimada subiu ao ar.

 

“Hummf!”Bufou Doncrow em frente ao cadáver do homem.

 

A mulher aprofundou ainda mais o seu cenho.

 

Elemento fogo e elemento vento…’